Assistência 24h: 0800-073-5939
73 98833-3831
73 3525-3239

Confraternização de fim de ano: os cuidados contra o coronavírus

Confraternização de fim de ano: os cuidados contra o coronavírus

Depois de um final de ano completamente inusitado em 2020, graças à pandemia do novo coronavírus, estamos cada vez mais próximos da virada de 2021 para 2022. Com o avanço da vacinação e a queda nos casos diários de contaminação, o cenário, por sua vez, teve uma melhora significativa.

Ainda assim, segue o questionamento: o que é possível fazer nas festas de fim de ano? O que ainda é considerado arriscado?

Em princípio, a maior parte dos festejos organizados pelos órgãos públicos permanecem cancelados. Dito isso, o nível de tensão baixou muito e as precauções tomadas no ano passado não são as mesmas neste ano.

Então, o que sugerem os infectologistas para que a população possa aproveitar a confraternização de fim de ano sem que as festas impactem no aumento de novos casos da doença?

Veja as respostas a seguir!

Ainda existem riscos

Todo evento que promove a aglomeração de pessoas é um evento de risco. Pois, como já se sabe, o vírus é transmitido por secreções presentes no processo de respiração.

Ou seja, é preciso entender que o vírus continua circulando e não tomar determinados cuidados pode favorecer a disseminação da doença.

Quais são os ricos tendo a vacinação completa?

A vacina é a nossa melhor solução para conter o coronavírus, mas é preciso entender que a vacina não impede a circulação e a contaminação pelo mesmo. A vacina age para enfraquecer o vírus e permitir que o organismo do indivíduo o combata.

Ou seja, se você está vacinado ainda pode se contaminar, mas a ocorrência será mais branda, com pouca probabilidade da necessidade de atendimento médico e internação.

Se você não está vacinado, o ideal é que você não participe das confraternizações de fim de ano, pois, além de ter mais riscos de ter a doença mais grave, também possui mais riscos de contaminar outras pessoas.

Se você quer entender melhor como agem as vacinas, confira o nosso artigo especial sobre o assunto!

Medidas de etiqueta respiratória

Como citamos anteriormente, a contaminação se dá pelas secreções, como saliva, espirro, tosse e, até mesmo, a expiração do indivíduo. Então, a principal medida sanitária é a etiqueta respiratória. É preciso utilizar as máscaras corretamente, cobrindo o nariz e a boca.

É importante lembrar também de fazer a higienização correta das mãos, com sabão ou álcool em gel, e não comparecer nas festas caso esteja com sintomas de gripe (espirros, tosse, nariz escorrendo, dor de cabeça, mal estar generalizado, entre outros).

15 dicas para a festa de final de ano

Você não precisa se privar de comemorar junto aos seus familiares e amigos. No entanto, é fundamental manter determinados cuidados. Para te ajudar, listamos abaixo 15 dicas simples que podem impedir a disseminação do vírus.

Veja a seguir:

  • Dar preferência a ambientes abertos.
  • Manter ambientes internos arejados, com portas e janelas abertas.
    Evitar aglomerações.
  • Procurar manter distanciamento de pelo menos 1,5 metros entre convidados.
  • Estar vacinado contra a covid-19, preferencialmente já com a segunda ou terceira dose.
  • Manter o uso de máscara, retirando-a somente para comer e beber.
  • Organizar os pratos da ceia em uma mesa única, estilo bufê.
  • Acomodar os convidados de forma espaçada ou em mesas restritas aos núcleos familiares.
  • Abraçar usando máscara.
  • Pratos, copos e talheres devem ser de uso individual.
  • Não comparecer à festa se estiver com sintomas gripais.
  • Idosos e imunossuprimidos devem ter cautela extra.
  • Higienizar as mãos com frequência, usando sabão ou álcool gel.
  • Preferir reuniões com pessoas de sua convivência diária.
  • Preferir locais residenciais, para que todos os cuidados sejam garantidos.

É compreensível que estas regrinhas sejam chatas. Mas nós estamos vivendo um momento muito mais otimista do que no ano passado. É fundamental dar continuidade aos cuidados e evitar que todo o trabalho feito ao longo do ano seja perdido.

Estamos quase lá. Vamos nos comprometer?

Nos conte nos comentários o que você achou deste conteúdo e não se esqueça de assinar a nossa newsletter para receber as novidades do blog em primeira mão.

Cadastre-se para receber novidades

Pax Nacional

Atendimento

Assistência 24h: 0800-073-5939

73 98833-3831

73 3525-3239

falecom@grupopaxnacional.com.br