Assistência 24h: 0800-073-5939
73 98833-3831
73 3525-3239

Saúde feminina: entenda o que é a endometriose

Saúde feminina: entenda o que é a endometriose

Precisamos falar sobre saúde feminina. A endometriose pode ser reconhecida por dores progressivas e muito intensas durante a menstruação. O fato dessa dor ser associada às cólicas menstruais, faz com que muitas mulheres não busquem ajuda pela crença de que a intensidade da dor que sentem é normal.

Pois não é normal. Cólicas menstruais são comuns e de fato são incômodas para a maioria das mulheres, no entanto, se você sente uma dor muito aguda, que a impossibilita de manter a rotina, você deve buscar ajuda médica já que o tratamento para endometriose deve ser feito com o acompanhamento ginecológico.

Além das cólicas intensas, a endometriose pode causar dificuldades em engravidar (podendo inclusive tornar a mulher estéril) e, em casos mais graves, aumenta o risco de desenvolvimento de câncer nos ovários. Essa doença afeta milhões de brasileiras e definitivamente merece mais atenção.

Por isso, preparamos este artigo para entender o que é a endometriose, o que a causa, quais são os sintomas e os tratamentos. Continue com a gente!

O que é a endometriose

A endometriose é uma doença que afeta o endométrio, tecido que reveste a cavidade uterina. Para que o óvulo fecundado seja implantado no útero, o endométrio fica mais espesso todos os meses. Quando não há fecundação (gravidez), esse tecido descama e é expelido junto com a menstruação.

Mas quando esse tecido cresce para fora do útero e atinge outros locais da pelve, como trompas, ovários, intestinos e bexiga, causando uma inflamação crônica, é o que chamamos de endometriose.

Ainda não se sabe exatamente as causas, mas é parcialmente provocada pela menstruação retrógrada, quando pequenas porções de sangue menstrual voltam pelo canal vaginal e se alojam onde não deveriam.

A endometriose é uma doença que pode afetar mulheres desde o início da puberdade, com a primeira menstruação, e a uma das doenças que mais afetam a saúde feminina, mas por conta do tabu, o diagnóstico só costuma acontecer em pacientes perto dos 30 anos.

Ainda assim, existem fatores de risco para o desenvolvimento da condição: ter filhos depois dos 30 anos, ter alguma alteração no útero, sofrer com estresse e má alimentação.

Sintomas da endometriose

Os sintomas da endometriose são desconfortáveis e atingem não apenas o útero, mas também os órgãos próximos, como bexiga e intestino. A intensidade das dores pode variar de mulher para mulher e de mês em mês.

O principal sintoma é a cólica intensa, até mesmo incapacitante, durante a menstruação, em segundo lugar vem a infertilidade, que pode inclusive ser a consequência do não tratamento da endometriose.

Outros sintomas comuns são:

  • Dor durante relações sexuais
  • Cólica fora do período menstrual
  • Dor ao urinar ou defecar
  • Diarreia ou prisão de ventre
  • Menstruação irregular
  • Menstruação abundante
  • Dificuldade para engravidar

Se você apresentar um ou mais sintomas dessa lista, o ideal é buscar ajuda ginecológica. O diagnóstico é feito por meio de exame físico, ultrassom endovaginal, exame ginecológico, dosagem de marcadores no sangue e outros. A condição pode ser considerada leve, moderada ou grave.

Tratamento para endometriose

O tratamento para endometriose irá depender do nível da doença. Se for considerada leve, o ginecologista pode receitar anti-inflamatórios, que reduzem as dores, mas não impedem o avanço da doença.

Caso a endometriose seja profunda, o uso de hormonização, que simula ação da progesterona no controle do endométrio, pode ser considerado. A cirurgia para retirada parcial do tecido endometrial, ou até mesmo a cirurgia de retirada total do útero, podem ser consideradas em casos mais graves, quando a mulher está se aproximando da menopausa.

Para as mulheres que gostariam de engravidar, poderá ser indicado o encaminhamento do caso para um profissional especializado em reprodução humana, recorrendo, inclusive, à fertilização in vitro.

Não existe cura para a endometriose, mas é possível conviver de forma tranquila quando diagnosticada e tratada. O tratamento para endometriose alivia a dor e outros sintomas, e aumenta a possibilidade de gravidez, dando estabilidade para a saúde feminina.

Lembramos que este artigo é apenas um resumo informativo, não substitui a consulta médica e um olhar especializado.

Este conteúdo foi útil para você? Deixe seu comentário, curta e compartilhe; seu feedback é muito importante para nós. E não se esqueça de assinar a nossa newsletter. Até a próxima!

Cadastre-se para receber novidades

Pax Nacional

Atendimento

Assistência 24h: 0800-073-5939

73 98833-3831

73 3525-3239

falecom@grupopaxnacional.com.br