Assistência 24h: 0800-073-5939
73 98833-3831
73 3525-3239

Julho verde: atenção para o câncer de pescoço e cabeça

Julho verde: atenção para o câncer de pescoço e cabeça

O mês de julho não é reservado apenas para a conscientização sobre as hepatites virais (julho amarelo), é também o mês em que falamos sobre a prevenção do câncer de pescoço e cabeça (julho verde). Apesar de não serem muito conhecidos, os tumores de cabeça e pescoço são o nono tipo de câncer mais comum no mundo, segundo a OMS.

Quando falamos sobre esse tipo de câncer, estamos falando sobre tumores que afetam todas as áreas da cavidade oral, como língua e boca, e órgãos como laringe, tireóide, faringe, seios paranasais, cavidade nasal e glândulas salivares. A extensão da doença e o número de casos registrados anualmente tornam o Julho Verde extremamente relevante.

Pensando nisso, decidimos fazer parte desta campanha de conscientização, prevenção e autocuidado. Neste artigo vamos falar sobre os tipos de câncer, os sintomas do câncer de pescoço e cabeça, e as formas de prevenção.

Boa leitura!

Tipos de câncer

Os tipos de câncer são classificados a partir da extensão e textura do tumor, assim como as causas mais evidentes. O Carcinoma de células escamosas, por exemplo, é o tipo mais comum (90% dos casos) e está relacionado ao fumo e a infecção por HPV. O tumor origina-se das células que cobrem toda a área da mucosa da cabeça e do pescoço.

Já o Carcinoma adenoide cístico e o Carcinoma mucoepidermoide são tumores que atingem as glândulas salivares. São considerados raros e as causas ainda são desconhecidas.

O restante dos 5% dos casos são considerados muito raros, e são classificados em: sarcoma, linfoma e adenocarcinoma.

Sintomas do câncer de pescoço e cabeça

O câncer de pescoço e cabeça é considerado uma doença de avanço lento, o que aumenta as possibilidades de cura. No entanto, essa característica também pode influenciar no aparecimento dos primeiros sintomas.

O primeiro sinal é o aparecimento de um nódulo ou uma ferida que não se cicatriza, nas regiões em que o câncer atinge. Na garganta pode sentir uma dor que não melhora com o tempo, dificuldade em engolir e alterações na voz. No entanto, lembramos que esse sintomas também podem estar relacionados a outras condições clínicas, ou seja, devem ser investigados mas não são motivo para desespero.

Fique atento a outros principais sintomas:

  • Mancha branca ou vermelha na gengiva, língua ou revestimento da boca;
  • Inchaço na mandíbula;
  • Hemorragias na boca;
  • Dificuldade para respirar ou falar;
  • Dor ao engolir;
  • Zumbido nos ouvidos ou outros problemas de audição;
  • Seios paranasais obstruídos;
  • Infecções crônicas;
  • Dormência ou paralisia dos músculos da face.

Prevenção

Como em toda prevenção relacionada à saúde, a indicação é sempre manter hábitos saudáveis de vida, como não fumar, não consumir bebidas alcoólicas em excesso, evitar a exposição direta ao sol, praticar exercícios físicos, etc.

Quando falamos sobre o câncer de pescoço e cabeça, também devemos lembrar do uso de preservativos durante as relações sexuais e da vacinação, visto que o HPV é uma das principais causa do aumento da incidência de câncer bucal entre os jovens.

Além disso, você pode prevenir que o câncer se desenvolva e se torne mais perigoso, mantendo os exames médicos em dia e começando o tratamento logo na fase inicial da doença.

Fique atento aos sintomas físicos, busque o melhor tratamento e não deixe o autocuidado de lado.

A Pax Nacional apoia a campanha do Julho Verde, e convida você a apoiar também. Curta, compartilhe e passe essa mensagem adiante!

Para mais conteúdos como este, repleto de informações sobre saúde, bem-estar, qualidade de vida e muito mais, continue acompanhando nossos conteúdos e não esqueça de deixar seu feedback. Assine nossa newsletter para receber as novidades em primeira mão!

Cadastre-se para receber novidades

Pax Nacional

Atendimento

Assistência 24h: 0800-073-5939

73 98833-3831

73 3525-3239

falecom@grupopaxnacional.com.br